Santarém recebe mais de 2 mil revistas para mobilização do Prêmio das Crianças do Mundo

Esta semana inicia a distribuição de 2 Mil e 700 revistas do Prêmio das Crianças do Mundo pelos Direitos das Crianças, edição 2011, “O Globo”. O Projeto Rádio pela Educação (PRPE) e a Secretaria Municipal de Educação de Santarém (SEMED), responsáveis pela organização da votação na região, vão entregar a revista aos diretores de escolas de Santarém (redes municipal e estadual de ensino) e de Belterra (rede municipal) na sede da SEMED, localizada na Avenida Rui Barbosa.

Concorrem ao Prêmio, os candidatos: Cecilia Flores-Oebanda, das Felipinas; Monira Rahman, de Bangladesh e Murhabazi Namegabe, da República Democrática do Congo. Os indicados são selecionados anualmente pelo júri infantil, formado por 11 jurados entre crianças e adolescentes de diferentes países. A nível mundial, está a frente da organização do Prêmio a ONG World’s Childrens Prize Foundation, dirigido pela Rainha da Suécia, Sílvia Renate.

Dentre os nomeados a receber o Prêmio das Crianças do Mundo, dois candidatos não contemplados com o prêmio das crianças votantes, recebem o Prêmio Honorário das Crianças do Mundo. Todos os três nomeados receberão quantias em dinheiro a serem usadas nas atividades em prol das crianças. Os escolhidos são indivíduos ou organizações que – durante um longo período e em circunstâncias difíceis – fizeram um trabalho excelente para as crianças, em conformidade com a Convenção da ONU sobre os Direitos da Criança.

Atualmente, há 24 milhões de estudantes que participam da votação, sendo 53.500 escolas, em 101 países. Na última votação, ocorrida em 2010, 7,1 milhões de crianças participaram da Votação Mundial que é o ponto auge de um extenso programa a ser estudado.

Nos municípios de Santarém e Belterra, devem participar cerca de 15 mil estudantes de pelos menos 100 escolas da região. O dia de votação nas cidades deve ocorrer na 3º semana de março, data a ser definida pela organização local (PRPE e SEMED). Enquanto isso, no período de preparação, a partir da entrega do material explicativo (revistas e manual do professor), estudantes e educadores farão o estudo de cada candidato, além de começarem a elaborar os preparativos para a Votação Mundial (construção de urnas, cédulas, escolha de locais, divulgação, apresentações culturais, entre outros).

A revista desta edição traz reportagem retratando o processo de votação de 2009, na Escola São Jorge (Santarém-PA), comunidade de Tapará Grande, região de várzea. Em destaque, a matéria conta a rotina de preparação do repórter educativo do Projeto Rádio pela Educação, Ravel Sousa. “Ravel chega rápido na escola, porque sua casa é vizinha. Ele liga o gerador à diesel e os equipamentos de som para que ele possa transmitir o programa “Para Ouvir e Aprender”, trecho da reportagem na revista O Globo.

Cada escola da região deve receber em média 25 exemplares. Para mais informações, entrar em contato com o Projeto Rádio pela Educação pelo fone (93) 3523 1679; ou falar com Alessandra Pinto, chefe de gabinete da SEMED, sede localizada à Av. Rui Barbosa.

Fonte: PRPE.

Anúncios
Esse post foi publicado em Geral. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s